domingo, 8 de agosto de 2010

Hostilidade

Atmosfera quente e pesada
Vestida com tonalidades de cinza e cor de morte
Uma corrente de ar sangrenta e abafada
Mais um vagabundo de costas voltadas para a sorte

São tiroteios daqui para ali
Expressos em locuções pobres e ignorantes
Um cheiro tresandante que nasce dali
Adivinhando-se um perjúrio de mãos mortificantes

A cada esquina um vigarista
Um velho sábio sem movimento
A cada segundo a imortalização de um artista
O instalar de um inóspito estado de lamento
Fraudulento, fraudulento!

A vida torna-se repetitiva e cruel
É viagem de ciclos sem medida
É um poço ornamentado de fel
Um atalho sem volta nem saída

Inocentes dão o corpo e terminam a viagem
Poderosos comandam sem fraternidade
Desprovidos de sentimentos, munidos de coragem
Aprisionam a Terra e tiram-nos a liberdade

Que é feito então dessa bela realidade
Que enche os lábios de muitos idealistas?
Que é feito dos valores da amizade
Onde estão as vitórias e as conquistas?

E é que eu só vejo dor a pairar...
Cadáveres que se amontoam
Ouço pesadamente o último suspirar
Dum lutador que todos amaldiçoam
Só porque possui percepção real dos acontecimentos
Calaram-no, tornaram-no intoxicado
Feriram-lhe a alma, deturparam-lhe os sentimentos
Cravaram garras no seu coração apaixonado
Jumentos!

Língua cantada em verso não é suficiente
Quando as acções são nulas ou desprovidas de significado
O mundo é apenas um lugar deficiente
Formado por pessoas de mau agrado
Predomina o louvor de escárnio e de loucura
As traições de má fé e maldizeres
Cenas repetidas de insuportável tortura
Submissão aos ricos e seus quereres

Lembrança! Matança! Cobrança!
E já louca me estou a tornar!
Forças em vão, desprovidas de aliança
Mais uma magistral alma vão arrancar!
E sabem? Nada muda, nada se alcança
De nada me adianta divagar...

O mundo está totalmente perdido!

18 comentários:

  1. Está muito, muito, bom!

    Não tens de agradecer :D ainda bem que não desgostas do clube. Pois, já somos duas a não gostar do Benfica :p

    ResponderEliminar
  2. És do Braga? Muito bom gosto :D
    Não há palavras para descrever a época do Braga, foram fantásticos. Sem gostei do Braga, acho que tem evoluido a olhos vistos e a época passada foi a prova disso, fico muito feliz por estarem pertinho de fazer parte da fase de grupos da Liga dos Campeões, merecem, sem duvida nenhuma. Parabéns.
    O Benfica foi muitas vezes levado ao colo, mas o Porto é que é assim e é assado, já estamos habituados, só que nós mantemo-nos iguais a nós próprios, mostramos o que valemos dentro do campo e tentamos melhor.
    Concordo, o Braga é muito superior

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente tenho que concordar com as tuas palavras... mais um bom poema de verdades ;)

    ResponderEliminar
  4. este está interessante. porquê desnorteada para oeste?

    ResponderEliminar
  5. indeed it is...só se sente perdido quem procura por si ;)

    ResponderEliminar
  6. Encontra sim...dá tempo ao tempo Adriana

    ResponderEliminar
  7. Sim, e eu respeito mas não gosto :/

    ResponderEliminar
  8. Obrigada pelas tuas palavras, desistir para mim é morrer por isso prometo não o fazer, se bem que, ás vezes vontade não me falta. Os teus poemas são sempre tão lindos e abordas a realidade de uma forma tão verdadeira. Eu adoro ler estas linhas a transbordar de sabedoria. Muito bem :)

    ResponderEliminar
  9. muito obrigado :) nunca devemos esquecer quem esta sempre ao nosso lado, os "amigos" ;)

    ResponderEliminar
  10. desculpa adriana.
    não respondi ao teu coment, porque não já não vinha há bóe ao blog. :$
    desculpa.

    ResponderEliminar